Auriflama tem maior delegação da história em Jogos Regionais

Auriflama tem maior delegação da história em Jogos Regionais

O Esporte auriflamense tem sido novamente destaque na região. A cidade, que não participava dos Jogos Regionais há dois anos, dobrou as equipes e foi representada nas disputas em quatro modalidades.
Nesta edição dos Jogos Regionais, realizados em Andradina, a delegação de Auriflama contou com atletas futebol de campo, taekwondo, basquete e equipes masculina e feminina de futsal.
Ainda que pequena, mas já sendo considerada a maior delegação de Auriflama em uma edição dos Jogos Regionais, os resultados foram além do esperado pelo Diretor de Esportes Vinícius Siqueira. “Tínhamos atletas de Damas, Xadrez e Atletismo, mas infelizmente, por razões particulares e de trabalhos não pudemos contar com a presença deles nestes jogos, mas já garantiram que irão se preparar para os próximos”, explica.
Os destaques ficaram para a participação do Taekwondo e Basquete.
O Taekwondo nunca teve representantes de Auriflama em Jogos Regionais e já na estreia dois atletas ficaram em 4º lugar, Alan dos S. Perosino na modalidade luta e Gabriel G. Gomes na modalidade Poomsae.
O Basquete masculino há mais de uma década não participava de Jogos Regionais e nessa participação foi possível apresentar aos jovens atletas auriflamenses o nível em que as equipes participantes estão hoje, para que se preparem e estabeleçam metas para a próxima edição.
Outra equipe destaque na região é a do futsal feminino. Com pouco mais de cinco meses de atividade, as meninas vem alcançando diversos resultados positivos em campeonatos e torneios regionais. Em Andradina, elas ficaram em 4º lugar na classificação geral e comemoraram muito esta marca, já que desde 2009 não havia representantes femininos nessa modalidade.
O futebol e o futsal masculino também tiveram um ótimo desempenho conseguindo ambas o nono lugar na classificação geral.
O prefeito Otávio Wedekin comemorou os resultados e garantiu que mais investimentos serão realizados para que a cada novo torneio ou competição regional Auriflama possa estar compondo os pódios.